Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2017

Contra a globalização, contra o globalismo: eis que Trump vem aí...

Um cidadão que foi eleito pelo americano dos rincões e das áreas pobres (e nacionalistas ao extremo) dos EUA não poderia fazer outra coisa senão proteger seu povo - e dar-lhe, enfim, esperança.
Isso é o que Donald Trump está fazendo nos EUA, num choque para quem via Obama, o presidente do mundo, fazer uma administração "bossa nova" demais para o gosto do estadunidense médio.
Fosse um brasileiro, falando duro com quem atrapalha o país, o povo aqui aplaudia. Ou não.
De fato, não mesmo: nossas elites, tais como Hollywood, também desceriam o sarrafo em um presidente que não adotasse o "modelo Imagine" de (falsa) união global.
...
Esse que vos escreve ia falar antes, mas há tempo para um alerta: Trump está contra o globalismo e a globalização, contra o mundo sem fronteiras (e religiões, e ideologias) e contra a segmentação econômica (que faz com que os países sejam especialistas demais, e reféns do que fazem melhor).
Ambos, a médio e longo prazo, são nocivos para o cid…

Para pensar

Lembrar que estarei morto em breve é a ferramenta mais importante que já encontrei para me ajudar a tomar grandes decisões. Porque quase tudo – expectativas externas, orgulho, medo de passar vergonha ou falhar – caem diante da morte, deixando apenas o que é importante. Não há razão para não seguir seu coração.
Steve Jobs