10.4.07

Prosa (pequena)

- Ela gostou?
 
A pergunta ecoava naquele ambiente, sem resposta; era de tremendo mau gosto, dadas as circunstâncias, mas não deixava de ser surreal vinda de um estranho ao que estava se passando.
 
Poderíamos ficar horas naquele diz-que-me-diz, no vai-e-vem do que se seguira antes e depois do expediente e da consumação - e era realmente muito estranho o que se passara poucas horas antes, quando o fato ocorrera; mas não deixava de ser esquisito, já que o que ela sentira era espanto a princípio, calafrios, uma sede e uma fome agudas de um sei-lá-o-quê e finalmente uma tranquilidade, seguida de gosto obscuro e um sentimento, nada mais que um sentimento, que não sabia de fato se era bom ou se era ruim.
 
Súbito, novamente a pergunta:
 
- Mas ela gostou?
 
E a resposta:
 
- Não sei, nem tenho idéia de como é o sabor de um sorvete de jiló ...

FPS, 10/04/2007, 15:54

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seus comentários AQUI.

Para pensar - Em busca da sétima chave. (via adesejar)

O seu caos não me assusta, pelo contrário, eu quero fazer morada nele. Em busca da sétima chave. (via adesejar) http://ift.tt/2BjX21I via ...