Descobertas

(por Fábio Peres)


- Foi bom pra você, não foi?

- Foi ... mas o que é que foi mesmo?

- Sei lá, só sei que é assim que ele falou.

- Mas foi bom, o quê?

- Eu não sei, não sou eu quem disse isso, foi ele quem disse pra ela ...

- É, mas o que é que ela disse?

- Nada.

- Nada?

- É, nada.

- Nada mesmo?

- É ... só chegou assim, do lado dele, foi estranho ...

- Estranho?

- É, estranho ... até porque ela ´tava gemendo um pouco antes.

- Gemendo? Me explica esse negócio direito ...

- Como assim?

- É ... não sei, não dá pra explicar ... eu não vi nada, ´tava fora do quarto ...

- Então você não viu?

- É, não vi ...

- E como é que vai saber se foi bom ou não?

- Eu não sei ...

- Ah, você não sabe nada, mesmo!

- Você é que não sabe!

- Você é que não!

- Eu é que vou te mostrar o que é que ele fez  ...

- Ah, não, não vai mostrar nada não hmmmmmmfffffffff....

- ...

- ...

- Foi bom pra você?

- Não sei, preciso conferir uma coisa.

- Que coihmmmmmmm ...


12/11/03, 10:31

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conclusões sobre a Lei Seca

Poesia: Desespero da Arlequina

Porque as Igrejas não discutem o que acontece na sociedade? Mais ainda: será que salgamos o mundo como deveríamos?