26.7.10

GP da Alemanha de 2010 - Porque reclamar da palhaçada da Ferrari?

Tá, tá, todo mundo sabe que a Ferrari se acha mais importante que seus pilotos (o que também é verdadeiro) e que não é incomum essa estória de primeiro e segundo piloto na Fórmula 1 em qualquer equipe, e que contratos são para ser cumpridos e pilotos não tem países, e por aí vai …

Ou seja, não teríamos motivos para ficar discutindo a palhaçada patrocinada pela “scuderia italiana” que transformou Felipe Massa em um Barrichello piorado, até porque dele não se esperava uma atitude boçal como a de domingo passado.

Logo, não teríamos motivo para reclamar, certo? Porque piloto não tem pátria, certo?

ERRADO.

Há muitos motivos para reclamar da atitude estúpida da Ferrari e de Massa.

E o primeiro é justamente sermos brasileiros, pois QUE PILOTO DE FÓRMULA 1 NÃO TEM UM PAÍS QUE TORCE POR ELE?

Sim, pois se não fosse por isso Ayrton Senna não ficaria desfilando a bandeira do Brasil a torto e a direito nos autódromos do mundo, em uma atitude que, apesar de marqueteira, era típica de quem queria mostrar que, antes de tudo, era brasileiro.

E que tinha gente que amava o que ele fazia, porque mostrava o orgulho dele em ser patriota.

Pois, em segundo lugar, QUEM FOI QUE DISSE QUE A FÓRMULA 1 NÃO GANHA COM O PATRIOTISMO DOS SEUS TORCEDORES?

Fala sério, que motivos tinha a Espanha para lotar autódromos se não fosse Fernando Alonso?

E antes de Schumacher, fruto mais notável de um investimento pesado da Mercedes para ter um alemão vencendo com um carro alemão, qual era “a graça” da Fórmula 1 para o maravilhoso mercado da Alemanha?

Notem o que foi escrito no parágrafo anterior: “empresa alemã, piloto alemão” …

NACIONALISMO.

Que existe, e que move montanhas no automobilismo, assim como em todo esporte.

Porque o “pachequismo”, a patriotada sem razão, que não é patriotismo, tem o dom de ser universal.

Chata demais para quem é especialista, mas que move montanhas de dinheiro, que vem do interesse do “grande público”.

E aí chegamos ao terceiro ponto: QUEM FOI QUE DISSE QUE O BRASILEIRO NÃO GANHA OU GASTA DINHEIRO COM A FÓRMULA 1?

Para começar, o meu, o seu, o nosso dinheirinho é investido periodicamente para manter um dos orgulhos dos paulistanos, que gera divisas mas também gastos, o GP Brasil de Fórmula 1.

Que, se os brasileiros tiverem culhões, será um fracasso desde já.

Assim como as propagandas do banco patrocinador da Ferrari, quarto maior do Brasil, e da montadora que é dona da escuderia.

Mas isso, bem … isso é sonhar muito.

Pois se já tem gente demais sustentando que Massa fez o certo, que ele não deveria rasgar contratos …

Justificativas coerentes para quem tem dinheiro a perder, como Felipe Massa, Fernando Alonso, a Ferrari e quem a patrocina.]

Mas que um torcedor de verdade jamais deveria aceitar.

Nunca.

Porque ele, no final das contas, é que paga para ver a palhaçada em que a Fórmula 1 se transformou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seus comentários AQUI.

Para pensar - Peter Pan. (via romantizado)

Ela me disse que amar era sofrer, e eu olhei pra ela e disse que sofreria por ela. Peter Pan. (via romantizado) http://ift.tt/2j028rt via ...