Poesia

Oh, mundo maravilhoso,
tão pequeno em sua grandeza
e de tão grande natureza.

Mulher, digna da beleza - e da admiração.

Admirá-la, 
sonhá-la, 
cultivá-la, 
conquistá-la.


Desejo. 
Vontade.
Obstinação.

O sonho de uma geração.

fps, 28/08, 17:00

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conclusões sobre a Lei Seca

Poesia: Desespero da Arlequina

Dória prefeito: a vitória do que São Paulo é sobre o que ela deveria ser