16.12.15

Prosa


Considerações sobre o amor

Quando se pode dizer “Eu te amo” ? Difícil responder, ainda mais quando não se tem idéia dos desafios que um relacionamento pode trazer as pessoas. Mas, se é difícil responder, mais fácil seria deduzir o que leva duas pessoas a se olhar, se atrair, se querer bem e, finalmente, tornar esse compromisso puro e sincero.

Se perguntarmos a um casal já idoso como conseguiram chegar até aquele ponto “vivos”, por assim dizer, ambos responderiam, com certeza: “Amor”. Mas será que é só isso? Vejam bem, a cada momento de nossas vidas passamos por mudanças em ambas as partes, que fazem com que tudo em nossas vidas mudem - mesmo instituições que são consideradas extremamente estáveis, como o casamento. Assim, pode ser que, a cada momento de suas vidas, tanto o homem como a mulher tenham adaptado esse amor àquela situação e tenham firmado uma estabilidade que, se sobreviver a uma geração, fatalmente fará com que esse relacionamento seja forte, não como uma paixão avassaladora e passageira, mas como uma relação de profundo respeito e dignidade, passando por uma amizade que soube sobreviver aos tempos.

Dizem que o casamento é uma instituição falida - mas a Rua São Caetano ainda está lotada de vestidos de noiva, que vendem muito bem. Dizem, ainda, que no mundo de hoje não há lugar para o amor - mas as histórias românticas ainda fascinam a muitos, e as músicas que falam de amor sempre disparam nas paradas de sucesso. Sinceramente, não sei se o mundo vai mudar muito até termos filhos e netos, mas que o amor continuará, isso é uma verdade universal. 

E sabe por que?

Porque o amor, em qualquer tempo, soube se adaptar a todas as sociedades e costumes, a todos os povos e a todas as mudanças que aconteceram, em qualquer geração. Quando amamos alguém, não estamos somente procurando alguém para dizer “Eu te amo” - estamos procurando uma pessoa que nos ouça como amigo nas dificuldades, que nos ajude a nos levantar nos momentos difíceis, que nos dê carinho e afeto quando precisamos e - porque não? - que nos dê forças para que possamos realizar nossos sonhos e vencer como pessoas dignas - e a soma de tudo isso é o que podemos chamar de amor.

O amor não pode ser medido, e portanto não pode ser descrito facilmente. Só o que sabemos é que, quando sentimos o coração bater disparado ao ver tal pessoa, quando conversamos com ela e nos sentimos livres dos nossos problemas interiores, quando o carinho que recebemos e damos à essa pessoa é o que precisamos para poder viver, enfim, quando podemos nos completar interiormente ao estar com uma pessoa, é quando podemos perceber que amamos essa pessoa - e para que isso aconteça não é necessário que alguém sequer diga a frase: “Eu te amo”.


fps, 27/10/95

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seus comentários AQUI.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Disqus for Trash Etc!