Mais uma edição do "Dia sem carro" ...

... e mais uma vez a mesma retórica aparece: promessas de ciclovias e vias públicas para pedestres, a televisão fazendo matérias à pé pela cidade e ativistas reclamando (com razão) que pouca coisa é feita para a construção de uma cidade mais sustentável.
 
No entanto, ninguém ainda me explicou como é que realmente se pode criar uma cidade sustentável se não conseguimos torná-la mais prática para o dia-a-dia, já que não conseguimos nem criar um sistema de transporte que seja eficiente para que a população de todas as classes e tipos o utilize, muito menos mudar a mentalidade da população para que ela aceite essa integração, ainda que à força.
 
Ou será que nem a força vai adiantar, vide decisão dos fretados em São Paulo?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Conclusões sobre a Lei Seca

Poesia: Desespero da Arlequina

Porque as Igrejas não discutem o que acontece na sociedade? Mais ainda: será que salgamos o mundo como deveríamos?