30.9.13

Poesia

trashetc2
 
cantigas de tempos antigos
 
o quadrado de hoje
já foi o círculo de ontem
e a roda, do passado.
 
a quadratura do triângulo do vértice cateto não faz a mínima diferença.
 
escravos de jó
jogavam caxangá
e a gente nem tinha idéia
do sentido dessas palavras.
 
ciranda, cirandinha,
vamos todos dar as mãos
 
e rodar …
… rodar ...
… rodar ...
… rodar ...
… rodar ...
 
 
fps, 23/08, 00:25

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seus comentários AQUI.

Para pensar - October, 1994. (via adesejar)

Mas que é eu me conheço, entende? Nunca vou ao final de nada, porquê sou medrosa, sou egoísta e maluca. Se eu perder, não consigo dizer que ...